Velório de Roberto Leal será aberto ao público; fãs prestarão as últimas homenagens

Domingo, 15 de Setembro de 2019 - Geral - Visualizações: 234

Morreu neste domingo (15), o cantor e compositor Roberto Leal, aos 67 anos de idade. Ele foi internado nesta última terça-feira (10), no Hospital Samaritano, em São Paulo, e acabou vindo a óbito, deixando todos de luto.

De acordo com a assessoria de Roberto Leal, ele descobriu há dois anos que estava com câncer de pele, e iniciou o tratamento, mas, na madrugada de hoje, acabou falecendo. Uma nota divulgada pela assessoria do cantor trouxe a seguinte notícia: “Um melanoma maligno evoluiu, atingindo o fígado, causando síndrome de Insuficiência hepato-renal”.

O velório do cantor português será realizado a partir das 7 horas desta segunda-feira (16), na Casa de Portugal, que fica na avenida da Liberdade, número 602, centro de São Paulo, sendo aberto ao público.

Os fãs poderão dar seu último adeus, mas é bom ressaltar que o velório terminará às 14 horas e o horário não deverá ser prorrogado, pois o enterro está marcado para às 15 horas, no Cemitério de Congonhas, situado à rua Ministro Álvaro de Sousa Lima, número 101, na Vila Sofia, zona sul da capital paulista.

Antônio Joaquim Fernandes era o verdadeiro nome de Roberto Leal, que nasceu em Portugal, mas veio com a família para o Brasil aos 11 anos de idade. Chegou a vender doces e batalhou muito, até que em 1971 ficou famoso com a música ‘Arrebita’. A canção fez um grande sucesso e ele passou a ser convidado para os principais programas de TV na década de 70.

No ano passado o cantor chegou a se candidatar para o cargo de deputado estadual em São Paulo, mas com pouco mais de 8 mil votos não conseguiu ser eleito.

Compartilhe
facebook - twitter - gplus - pinterest WhatsApp