Policiais Militares terão câmeras acopladas a uniformes no Carnaval 2018

Baianos e turistas que vão curtir o Carnaval da Bahia 2018 vão contar com a proteção de mais de 25 mil policiais e bombeiros militares nos sete dias de festa. Cerca de 45 milhões estão sendo investidos em pessoal, tecnologia e equipamentos, para que a folia seja de pura alegria e diversão! Entre as novidades este ano está a utilização de body worn, tipo de câmera acoplada à farda dos policiais, oferecendo maior fiscalização do que acontece dentro da festa.

Em Salvador, além de cuidar da segurança nos circuitos Dodo, Osmar e Batatinha, as polícias Civil, Militar, Técnica e o Corpo de Bombeiros também estarão presentes nos carnavais de bairro, que este ano acontecem em Cajazeiras, Periperi, Itapuã, Liberdade, Boca do Rio, Plataforma, Pau da Lima, Nordeste de Amaralina e Piatã, com o Palco do Rock 2018.

Os Portais de Abordagem, que há dois anos ajudam a restringir o acesso de objetos considerados de riscos aos circuitos, foram reestruturados. Este ano, 42 acessos oficiais, com controle rígido do que entra na festa, estarão disponíveis, com revistas pessoais e o auxílio de detectores de metais. Duas novidades podem auxiliar ainda mais o trabalho policial: as câmeras acopladas ao fardamento dos PMs nos portais, os chamados body worns e os cães farejadores do Batalhão de Choque nas revistas de mochilas, bolsas, entre outros materiais.

A SSP também garante, durante a folia, a segurança dos foliões durante a compra das vestimentas de acesso aos blocos e camarotes através da Operação Abadá, onde reforça o policiamento nos postos de trocas.