Carpegiani nega sondagem do Inter e fala sobre futuro incerto: ‘Talvez eu dê uma paradinha’

 

Em apenas oito partidas o técnico Paulo Cézar Carpegiani mudou totalmente o panorama do Bahia na Série A do Brasileirão. Com 15 pontos conquistados em 24 disputados, além do aproveitamento de 62,5%, o experiente comandante tirou o time da luta contra o Z4 e o colocou como um postulante à Libertadores da América. O bom trabalho de Carpê à frente do Esquadrão o fez cair rapidamente nas graças da torcida. Inclusive, alguns adeptos já ensaiaram até mesmo uma campanha para a manutenção do treinador para o ano de 2018. Porém, pode ser que isso acabe não se concretizando. Em entrevista na manhã desta segunda-feira (13), na Rádio GreNal, do Rio Grande do Sul, o comandante do Tricolor foi questionado sobre uma suposta sondagem do Internacional, mas acabou falando um pouco sobre o que projeta para o seu futuro.

“Não tive nenhuma sondagem. Sou uma cria do Internacional, estou sempre na torcida, mas não passa disso. Eu já tive convites, do centro do país, para trabalhar num grande clube, que hoje não está bem, para ser um Manager dos treinadores. Estou pensando em alguma coisa um pouco diferente. Enfim, não tenho projeto. Aqui no Bahia tem cinco ou seis candidatos, agora vai ter eleição. Então nosso futuro é sempre incerto, a gente não sabe te responder se vai ser aqui ou acolá. Talvez eu dê uma paradinha, porque eu gosto de trabalhar, mas é muito desgastante ser treinador. É um compromisso e eu sou muito perfeccionista, então o desgaste é muito maior. Quero todas as coisas corretas, então é natural o desgaste. Então, nosso futuro é sempre incerto eu não saberia te responder”, declarou Carpegiani. (BocaoNews)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *